sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Possíveis ataques de traficantes

Polícia Militar do Rio de Janeiro recebe alerta sobre possíveis ataques de traficantes no Carnaval


Aviso: informa que facção quer promover ações em rodovias, delegacias e contra policiais

A Polícia Militar do Rio de Janeiro informou na noite desta sexta-feira (12) ter recebido por volta das 19h um documento da Coordenadoria de Inteligência da Polícia Civil (Cinpol) alertando sobre um plano de uma facção criminosa de promover ataques em delegacias, rodovias e contra policiais que trabalham nas ruas durante o Carnaval.
Segundo a corporação, o documento menciona que o grupo que planeja atentados é o que controla a favela do Jacarezinho, na zona norte, onde ocorreu intenso tiroteio ontem que deixou oito supostos traficantes e um policial militar morto.


O relações-públicas da Polícia Militar, Ivan Blaz, informou que o documento é "genérico" mas que a corporação, antes de receber o aviso, já tinha um plano de reforço do policiamento nas ruas que, durante o Carnaval, contará com um efetivo de 51 mil.

5 comentários:

Anônimo disse...

Vale a máxima getulista: "Aos amigos, tudo. Aos inimigos o rigor da lei". Essa é a fisiologia dos mensalões.

Anônimo disse...

Não se esqueçam de que temos que trabalhar e fazermos de tudo para que o vagabundo viajante do Pinóquio Cabral Cara-de-otário não seja reeleito, pois esse merda não merece governar nada, quiça um estado como o RJ.
Esse patife é a escória da política brasileira.

Fora Cabral, vc é o pior dos piores disparadamente!
Esse pilantra vai perder as elições, vcs vão ver esse idota ser expulso da pólítica aqui no RJ?

Luciano Turl disse...

Sou dono do blog http://heroisdavida.blogspot.com/ e gostaria de propor a voce uma parceria de link,caso tenha interesse deixe um recado no blog,ou se preferir adicione o meu blog e me avise que adiciono o seu,um grande abraço e sucesso

Rafael Costa disse...

CRIANÇA É SEQUESTRADA E MORTA NO CARNAVAL DE RUA DO RJ E O GOVERNO ABAFA O CASO

A IMPRENSA E O GOVERNO DO RIO DE JANEIRO ESTÃO ABAFANDO O CASO PARA NÃO ESPANTAR OS TURISTAS.

Anônimo disse...

Montes & Cabral

Wagner Montes, ex-candidato ao governo do Rio, esteve pessoalmente com o governador Sérgio Cabral e saiu do encontro decidido a não disputar com ele.