terça-feira, 29 de setembro de 2009

VEREADORA CLARISSA GAROTINHO DEIXA O PMDB

A vereadora Clarissa Garotinho se desfiliou do PMDB na tarde desta terça-feira. Em discurso no plenário na Câmara dos Vereadores, Clarissa alegou perseguição e afirmou que após a saída do ex-governador, Anthony Garotinho do partido, o PMDB começou a persegui-la deixando a vereadora sem alternativa.

Clarissa afirmou que está claro o que ocorre é uma perseguição política. "Não vou deixar que me deixem calada. É isso que querem fazer. Não tenho mais condições políticas de permanecer dentro do partido. Tenho uma filiação que é muito maior que a partidária".

Clarissa deixou bem claro que respeita a lei eleitoral, mas que a lei ampara casos como o dela de perseguição partidária. "Estão me tolindo, impedindo que eu exerça minhas funções dentro meu partido. Já fui destituída das minhas funções partidárias e da liderança do PMDB dentro da Câmara. Não me resta outra opção a não ser sair do partido", disse.

A vereadora lembrou que dentro do PMDB o que estão fazendo com ela é inédito. "O meu partido me cobra o que nunca cobrou de ninguém. Em muitos lugares isso acontece. O PMDB é aliado do governo Lula, e, no entanto, o governador Jarbas Vasconcelos em Pernambuco não apóia o governo e nem por isso o partido o perseguiu destituindo de suas funções partidárias", criticou.

SRZD 

8 comentários:

Anônimo disse...

Pega ladrão! No governo!
Pega ladrão! No congresso!
Pega ladrão! No senado!
Pega lá na câmara dos deputados!
Pega ladrão! No palanque!
Pega ladrão! No tribunal!
É por causa desses caras que tem gente com fome, que tem gente matando, etc e tal.

Pega, pega!
Pega, pega ladrão!!
Pega, pega!
Pega, pega ladrão!!
Pega, pega!
Pega, pega ladrão!!
A miséria só existe porque tem corrupção

Anônimo disse...

CONVOCAÇÃO GERAL: CBMERJ, PMERJ E PCERJ!
Os deputados estaduais Flávio Bolsonaro (PP) e Paulo Ramos (PDT) acabaram de proferir discursos inflamados no plenário da ALERJ contra esse reajuste de 5% proposto por Sérgio Cabral (PMDB), conforme informações quer acabo de receber das galerias.

O reajuste será votado amanhã e a convocação é geral (ativos e inativos):
- Policiais Militares;
- Bombeiros Militares;
- Policiais Civis; e
- Os familiares E amigos desses profissionais de segurança pública.
Temos que lotar as galerias.
Horário de chegada: 14:30 horas.

Anônimo disse...

PM caça o “Boca de Sabão”

Por ordem do comandante-geral da PM, coronel Mário Sérgio a corporação está empenhada em localizar o “Boca de Sabão”. Engana-se, porém, quem acha que “Boca de Sabão” é algum traficante de alta periculosidade ou algum chefe de facção criminosa ou de uma milícia.

Por incrível que pareça “Boca de Sabão” é o codinome de um policial militar, que usa o twitter para fazer críticas ao comando da Polícia Militar. Ninguém descobriu até agora a sua identidade.

O coronel Mário Sérgio determinou que o Serviço Reservado (PM – 2) e a Corregedoria investiguem e descubram quem é o “Boca de Sabão”. Computadores do QG estão sendo vasculhados, especialistas em internet estão tentando rastrear as mensagens e policiais estão sendo interrogados. Uma verdadeira “caça às bruxas” está em curso dentro do QG.

O coronel Mário Sérgio, com base no novo regulamento disciplinar que criou para a PM, quer porque quer, que o “Boca de Sabão” seja expulso. Para quem não sabe, hoje pelo novo regulamento críticas ao comando são passíveis de expulsão, enquanto matar um inocente por negligência, no máximo leva a uma repreensão no Boletim Reservado.

Sinceramente era de se esperar que a PM tivesse outras prioridades, como por exemplo, prender os marginais que espancaram um soldado e botaram outros dois para correr, na Cidade de Deus.

Mas, para o comandante da PM a prioridade é prender e expulsar o “Boca de Sabão”. Isso que é mod

Anônimo disse...

Quem poderá confirmar um comentário postado em outro blogger, informando que o Wagner Montes, na próxima eleição virá com VICE na chapa de GAROTINHO e, assumirá a Pasta da Segurança Pública. Será?????

Anônimo disse...

PMERJ, CBMERJ E PCERJ - CONVOCAÇÃO GERAL - VOTAÇÃO DO REAJUSTE - ALERJ - 30 SET 2009 - 14:30 HORAS.

Os deputados estaduais Flávio Bolsonaro (PP) e Paulo Ramos (PDT) acabaram de proferir discursos inflamados no plenário da ALERJ contra esse reajuste de 5% proposto por Sérgio Cabral (PMDB), conforme informações quer acabo de receber das galerias.
O reajuste será votado amanhã e a convocação é geral (ativos e inativos):
- Policiais Militares;
- Bombeiros Militares;
- Policiais Civis; e
- Os familiares desses profissionais de segurança pública.
Temos que lotar as galerias.
Horário de chegada: 14:30 horas.

FORA CABRAL disse...

É UM GOLPE ANTECIPADO - A PRÓXIMA ELEIÇÃO SERÁ FRAUDULENTA!

Pesquisa de opinião sobre intenção de voto no Estado do Rio de Janeiro feita pelo IBPS (Instituto Brasileiro de Pesquisa Social), dirigida pelo cientista político Geraldo Tadeu Monteiro, em 37 municípios, incluindo o Rio, mostra que o governador Sérgio Cabral (PMDB) continua liderando a corrida eleitoral para 2010.

pracas disse...

Nos ajudem a denunciar as irregularidades na PM. Mande suas denuncias para DENUNCIADOSPRACAS@GMAIL.COM e colaborem para podermos ter uma PMERJ mais justa.
Sua colaboração é fundamental pra podermos ser o twitter mais seguido e lido do twitter.
Um abraço.

Anônimo disse...

Clarissa Garotinho não estaria passando por isso se o seu pai não tivesse colocado Sergio Cabral no governo do Rio. O pior afilhado político, o mais mentiroso e traidor de todos os tempos no RJ está aí, Sergio Cabral.